06 janeiro 2016


Fotos raras mostram a beleza de Paris há 100 anos atrás


Paris definitivamente é uma das capitais mais romântica do mundo, e por causa disso, ela é sem sombra de dúvida muito fotografada. E uma das características que facilitam para seu romantismo são suas construções antigas que carregam bastante história, porém como seria essas construções inseridas na sua real época? 
 

A alguns dias surgiram fotos super raras da cidade há 100 anos atrás de uma maneira que ninguém conhecia, mas o mais impressionante é que as fotos encontradas não são em preto e branco, são coloridas! 
A história dessas imagens é mais ou menos assim: Em 1909 Albert Kahn, um rico banqueiro francês, criou um projeto que seria reunir fotografias coloridas das maiores cidades do mundo para uma época em que só havia fotos em preto e branco. Para isso convocou quatro fotógrafos: Leon Gimpel, Stephane Passet, Georges Chevalier e Auguste Leon. Os 4 atenderam ao pedido, e em 1914 iniciaram o projeto começando por Paris. Andaram por toda a cidade e fizeram belíssimas fotos coloridas do local. 
 


 Mas agora você se pergunta, como?
 


O processo de colorização de fotos que ficou conhecido no início do século XX se chama Autocromo (ou Autochrome Lumière). Esse processo é bastante artesanal, feito em uma chapa de vidro sobrepostas por camadas de fécula de batata tingidas de laranja, verde e violeta (que é uma aproximação das 3 cores primárias), ao fotografar determinada cena, as informações de cores são retidas nas partículas de batata e o resto da cena é capturada normalmente em preto e branco. Após o processo de revelação, ao sobrepor ambas as chapas de vidro e iluminando-as por trás, é possível ver uma fotografia colorida.



Demais né?

Comente com o Facebook:

4 comentários:

  1. Que post lindo ♥
    Fiquei encantada, principalmente com a primeira foto. Paris realmente sempre foi uma cidade muito bela :)

    Twee

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lindo né? Até com a pobreza que havia na época, ainda assim ela continua bela.

      Excluir
  2. Gente que coisa mais linda! Quanta delicadeza envolvida. Quanto amor no processo. Amei tudo sobre esse post. Eu sou apaixonada por paris, e ultimamente tenho lido bastante coisas sobre lá. Então imagina, como não me sinto em ver essas fotos. MUito demais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Da vontade de morar naquela época né? Muito amor

      Excluir